A Diretoria de Gestão Ambiental do Daae/Gerência de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, em parceria com o Serviço Social do Comércio (SESC), idealizaram a atividade de Educação Ambiental Rota do Lixo (Lixo menos é mais).

O público-alvo desta atividade foram as crianças e adolescentes da ONG Oficina das Meninas que visitaram os postos de recebimento de diferentes categorias de resíduos produzidos na cidade de Araraquara, tais como aterro sanitário controlado, cooperativa de reciclagem, central de recebimento de embalagens de defensivos agrícolas e um ponto de entrega de entulho e volumosos (PEVs).

Durante a visita, o Coordenador da Unidade de Educação Ambiental do Daae Valter Iost, explicou a importância de realizar a coleta seletiva e de reduzir o consumo de produtos desnecessários, reaproveitar objetos que iriam para reciclagem para outros usos, repensar a necessidade de comprar algo e recusar produtos que não possam ser reciclados quando sua vida útil termina. Na Central de Recebimento de Embalagens de Agrotóxicos, as meninas aprenderam sobre a obrigatoriedade da realização da tríplice lavagem e da importância da logística reversa destas embalagens, a fim de evitar a contaminação do meio ambiente. Observaram ainda, todo o equipamento de proteção individual (EPI) necessário para manusear esse tipo de resíduo. No Ponto de Entrega de Resíduos da Construção Civil (ETRCC) e Volumosos, observaram que é errado o descarte deste tipo de resíduo em terrenos baldios, pois Araraquara possui pontos de coleta para receber esses materiais.

A ação fez parte da atividade proposta pela SESC “Histórias transformadoras. Lixo menos é mais” (setembro/2019), sendo que na Unidade de Araraquara o nome da vivência orientada foi “Rota do Lixo”.

Assessoria de Comunicação, 17 de setembro de 2019.

 

Pin It

Enquete Daae

Como você avalia o atendimento ao público presencial (PAPs)

facebook

Back to top