Ao completar 49 anos de fundação, no dia 2 de junho, e ter comemorado a data no último dia 13 com um almoço entre funcionários, vereadores e o prefeito Edinho, o Daae – Departamento Autônomo de Água e Esgotos – anuncia novos investimentos. A meta é melhorar a qualidade dos serviços oferecidos à população de Araraquara, incluindo a ampliação física.

Em entrevista ao programa ‘Canal Direto com a Prefeitura’, na segunda-feira (18), o superintendente do Daae, Marcos Isidoro, afirmou que na própria quarta-feira (13) foi assinada a ordem de serviço, no valor de R$ 2,6 milhões, para a construção do Centro de Produção e Reservação e o Posto Selmi Dei 2, já perfurado. Essas obras têm previsão de conclusão de três meses, ou 90 dias.
“Também teremos o Centro de Produção e Reservação do Jardim São Rafael, cuja ordem de serviço foi assinada em maio. Com isso, dobraremos a capacidade de fornecimento de água na região e por muito tempo não teremos problemas como o da semana passada naquela região”, afirmou.
Marcos lembrou o episódio da quinta-feira (14), quando queimou a bomba do Posto Flora (na região norte da cidade), que tem 280 metros de profundidade. Imediatamente, uma equipe do Daae e a empresa contratada especialmente para retirada e colocação de bombas entraram em ação.
“Temos seis bombas reservas, adquiridas em 2017, e, atuando com agilidade, o Daae propiciou o restabelecimento do fornecimento de água para a região do Selmi Dei no menor tempo possível”, afirmou o superintendente.
Ao mesmo tempo em que investe na região norte, a Autarquia realiza as obras do Poço do Victório de Santi, na região sudeste de Araraquara, com recursos do PAC, na ordem de R$ 11 milhões.
Ampliação
Ainda de acordo com Marcos Isidoro, além destes investimentos, o Daae projeta ampliar e modernizar suas instalações físicas na sede. Por isso, manifestou interesse nos imóveis do antigo Clube Estrela e no da extinta CTA (Companhia Trólebus Araraquara), áreas municipais vizinhas do próprio Departamento.
Desde o início de 2017, a direção do Departamento detectou a necessidade de ampliação de alguns de seus serviços. “Já apresentamos ao prefeito Edinho nosso interesse por essas duas áreas, embora a da (antiga) CTA, que seria a de menor investimento, esteja passando por problemas judiciais”, disse.
Como a área do antigo Estrela também é grande, além do salão, já existem tratativas com a Prefeitura para tentar viabilizar o negócio. “A ampliação do espaço físico se faz necessária porque o Daae teve ampliado os seus serviços com a transferência da então Secretaria de Meio Ambiente e a criação da Diretora de Gestão Ambiental”.
O Departamento realiza hoje todas as ações de licenciamento e fiscalização ambiental. “Por isso, temos que adequar o trabalho das equipes, cuja parte se encontra instalada no Cear (Centro de Eventos de Araraquara e Região)”, acrescentou.
Ainda de acordo com o superintendente, o Daae também identificou uma grande necessidade de melhorar o atendimento ao público, já que não existe um local adequado para quem espera pelo atendimento. “A meta é aumentar o espaço físico e trabalharmos com atendimento em horários previamente agendados, melhorando o conforto das instalações e a agilidade no atendimento, nos moldes de um Poupatempo”, explicou.
Recursos próprios
Isidoro também afirmou que para ampliar o espaço físico já existe uma previsão orçamentária que não compromete os investimentos planejados. E que o custo desses investimentos não será repassado à população
Marcos afirmou ainda ser necessário primeiro enviar dois projetos para a Câmara Municipal analisar a proposta sobre o antigo Clube Estrela: um para a desafetação da área e o outro, de incorporação ao Daae.
Qualidade
Respondendo a um internauta do ‘Canal Direto’ sobre o cheiro de cloro na água das torneiras, o superintendente afirmou que a situação é provocada pela formação de micro bolhas, devido à pressão.
E acrescentou que se o cheiro estiver muito forte, o consumidor pode ligar para o 0800-770-1595 que uma equipe irá verificar a situação, embora este monitoramento seja feito em toda a cidade de três a quatro vezes por dia, exatamente para evitar a super dosagem de cloro.
“No próprio site do Daae, divulgamos esse monitoramento ao consumidor, expondo diariamente a qualidade e a potabilidade da água distribuída em nossa cidade”, destacou.

Fonte: www.araraquara.sp.gov.br

Assessoria de Comunicação, 20 de junho de 2018.

Pin It

Enquete Daae

De modo geral, como você avalia os serviços oferecidos pela unidade de atendimento móvel do Daae?

facebook

Back to top